BUSCAR NO SITE

Carregando...

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Aumento do Dólar e a Obra Missionária



Segundo o site Organize, "o dólar tem subido devido a crise externa que irá afetar a economia do mundo inteiro". Quem mora fora do Brasil e precisa receber valores que são depositados em reais, são os que mais sofrem, justamente porque o dólar é quem dá o tom das transações financeiras internacionais. O problema é que o salário em Real continua o mesmo, enquanto que o preço e o custo de vida nesses países são medidos pelo dólar que este ano já chegou a R$ 3,30, a maior alta desde 2003.
Além do custo de vida em países como África do Sul, onde temos o Missionário Eduardo Menezes, ser medido pelo dólar, as taxas de transações bancárias também são cobradas de acordo com o dólar. O saque do salário de um missionário no exterior chega a ser feito em mais de uma vez já que as transações de saques e transferências tem limites estabelecidos pelas instituições bancárias. Para cada transação de saque uma taxa é cobrada, o que reflete significativamente no sustento do missionário. Ainda tem o caso de missionário que precisa viajar de sua cidade para uma onde haja alguma instituição financeira, o que gera mais despesas de transporte e lanche para o caminho.
Em mensagem enviada pelo Facebook, o Missionário Eduardo Menezes (África do Sul) disse o seguinte:

"Eu pago de taxas, em cada saque, R$ 85,79, mas agora que o dólar está em alta, meu limite de saque diário é de R$ 1.200,00. Então, eu retirava 4.700 rands (moeda sul africana). Mas agora só consigo retirar 4 mil rands. Então, o valor total de perda é de R$ 242,39!"

O que acontece com o Missionário Eduardo é só um exemplo do que acontece com vários outros missionários fora do Brasil. Isto significa dizer que eles deverão passar mais dificuldades financeiras de ordem pessoal e no ministério, já que a maioria investe do seu próprio sustento nos projetos e ações missionárias que desenvolvem!
Atualmente, o valor arrecadado pela Assembléia De Deus em Salvador  para missões representa menos de 5% das arrecadações em dízimos e ofertas, o que significa que a Igreja não oferta nem o dízimo de suas arrecadações para a obra missionária!
Mesmo que se mantenha a média de arrecadações para missões, isso representará uma perda devido a alta do dólar. Missionários da Adesal constantemente falam da necessidade de aumentar o valor enviado para seus sustentos, já que altas taxas vem sendo cobradas em suas transações de saques e transferências com a alta do dólar. 
Uma outra situação em que a alta do dólar influencia diretamente nos processos de envio e sustento de missionários no exterior, são os preços das passagens aéreas, as renovações de vistos e de passaportes. Os Missionários Jair e Deny, por exemplo, já tem 3 anos em Guiné Bissau e precisam vir ao Brasil para descanso, cuidar da saúde e rever familiares. As passagens deles e dos dois filhos Vítor e Hadassa, podem ser encontradas com o preço de até R$ 39.000,00 (trinta e nove mil reais)! Pode se encontrar uma promoção de pelo menos R$ 23.000,00 (vinte e três mil reais)! O valor representa uma despesa extra para a Semadesal, visto que o que a Igreja arrecada para missões é suficiente apenas para sustento dos missionários e despesas do custo operacional!
Segundo Silvia Rosa, colunista de Valor, Jornal virtual de economia, finanças e negócios, o Real é a moeda que lidera as perdas diante das principais do mundo! Para ela, os ruídos das últimas notícias políticas do Brasil tem influência direta, devido a queda de investimentos por parte de investidores internacionais.
A Igreja precisa estar atenta para este fato importante na obra missionária e dar uma resposta neste processo. As igrejas na Acaia e na Macedônia responderam com zelo para as necessidades dos irmãos da Judéia (2 Co. 8 - 9)

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Adesal Firma Acordo com Igreja na Índia Para Envio de Missionária



A Assembléia de Deus em Salvador, liderada pelo Pastor Israel Alves Ferreira, através de sua Secretaria de Missões, a Semadesal, firmou um acordo com a Adesal Índia, Igreja liderada pelo Pastor indiano Moses. O acordo foi firmado durante um almoço entre a Presidência da Adesal, a Diretoria da Semadesal e o  Missionário Sudheer Kandikatti, ordenado a Pastor pela Conframadeb - Convenção Fraternal de Ministros das Assembleias de Deus no Estado da Bahia, na AGO do último dia 21 de março, no Templo Sede da Paralela.
O acordo é na verdade a consolidação de uma parceria que já existe a mais de oito anos com a Adesal e o Pastor Moses, que recebe sustento da Igreja em Salvador para manter uma escola e sete congregações em diferentes aldeias, todas registradas em nome da Adesal. Segundo o Pr. Sudheer, os sustento enviado pela Adesal ajuda na manutenção de obreiros, de viúvas e crianças necessitadas.
Para o Pastor Israel Alves, "uma grande porta está se abrindo na Índia com a parceria entre as duas igrejas". É a primeira vez que um indiano é ordenado a Pastor por uma Assembleia de Deus no Estado da Bahia. A Adesal pretende, através da Semadesal, além de continuar mantendo as obras sociais do Pr. Moses e de enviar a Missionária Claudia, abraçar também o projeto do Pr. Sudhher que visa resgatar crianças em situação de risco na Índia.
Durante o almoço, o Pr. Sudheer falou sobre liberdade religiosa na Índia, estratégias de evangelismo e da importância do gesto da Adesal em enviar a Missionária Claudia que ajudará na escola indiana e em atividades no processo de fundação do projeto de resgate da criança abandonada. 
O Pr. Israel Alves se mostrou sensibilizado com a situação da Igreja na Índia e se comprometeu, através da Secretaria de Missões, continuar fiel ao plano de investir na obra missionária da Índia, um país com 1 bilhão e 200 milhões de habitantes e que, segundo o próprio Sudheer, adora mais de 300 milhões de deuses!
A Semadesal entende que este é um tempo do agir de Deus na Índia e que as Diretorias da Igreja e da Semadesal e cada fiel da Adesal devem abrir o coração para amar, orar, enviar e contribuir com a Índia.
Para mais informações: (71) 3241-2182 ou missaoadesal@hotmail.com

domingo, 22 de março de 2015

VENHA SE CAPACITAR COM QUEM ENTENDE DO ASSUNTO..

- Esse é o nosso 5º Treinamento para Líderes de Missões..
É um evento que capacitará Líderes para obra missionária. O evento este ano vai dar ao treinando uma visão panorâmica do mundo atual, ensiná-lo a ter um olhar missionário para os últimos acontecimentos internacionais e capacitá-lo para a tarefa de fazer de sua igreja, um agente de missões.

Palestrante:
- Profª: Cristina Bispo

Conteúdo:
* Uma visão do mundo de hoje;
* O tipo de missionário que o mundo precisa;
* Um olhar missionário para a igreja Perseguida;
* Tornando a Igreja em um agente de missões.

Informações:
- Será no dia 21 de abril de 2015. (Feriado)..
- Local: Assembléia de Deus da Paralela.
- Horário: das 09 às 17h.
- O investimento é de R$ 20,00 com lanche e material. O almoço é por conta do inscrito.
Faça sua inscrição no Escritório da Semadesal.
Dias da semana: Segunda a Sexta-feira, das 13:00 às 17:00h.
- Inscrição através do site: http://www.semadesal.com/

Informações:
E-mail: missaoadesal@hotmail.com
Contato: (71) 3241-2182
Whatsapp: (71) 9166-3052
-
Observação‬:
O treinamento para líderes de missões está aberto para qualquer‪ ‎DENOMINAÇÃO.